Contos...

Quando criancas nos desapegamos de tudo, tudo é sempre novo, tudo sempre começa e recomeça o tempo todo. Quando adultos, vivemos com uma bagagem pesada, cheia de crenças, regras, padrões, certo, errado, bem, mal.


Quando criança, acreditamos nos contos de fadas, e paramos por horas apreciar a beleza das flores.

Quando adultos, compramos as flores, colocamos naquele canto da casa, e ai fica. Ate a semana seguinte, quando precisamos comprar novamente.

Desapegos. Palavra que quando adulto não praticamos.

Quero poder acreditar nos contos de fadas, quero poder acreditar que nos castelos de areia vivem príncipes e princesas, sonhando com um final feliz. Quero acreditar que tudo é possível e so basta querer.

Quero limpar minha alma e deixa-la pura para sempre recomeçar. Sem dores, sem sofrimento, simplesmente aceitando a beleza de todos os momentos. Aqueles que vem e que vao, sem nunca avisar.

Onde estavam os meus sonhos, enquanto existia com regras e padrões limitantes, que me impediam da verdadeira felicidade?

Onde estavam meus desejos?

Agora me abro para receber mais felicidade... sem certo nem errado, sem bem nem mal. Simplesmente acreditando que os contos sempre terão suas melhores historias, como a minha, a sua... e o final feliz acontecerá.

Comentários

  1. Tudo está em movimento, nada pára por completo, ainda há quem cuide das flores do seu jardim, quem converse com elas, quem sofra com suas doenças e as façam reviver lindas, os grandes castelos estão em nossa mente, a grande mudança é feita de dentro para fora e começam através de pensamentos que se materializam em sonhos, as grandes maravilhas da vida estão nos pequenos detalhes, num por-de-sol... num amanhecer... numa suave brisa matutina no rosto quente... sentir o toque dos pés numa areia úmida da praia... olhar o céu estrelado por e sentir-se pequeno diante da vastidão do universo, estranho saber que embora as estrelas já morreram há muito tempo ainda nos brindam com seu brilho, assim são nossos entes queridos... que partiram desta vida, mas sempre estarão em nosso pensamento e tal qual as estrelas nos iluminarão por toda a nossa existência.

    ResponderExcluir
  2. Vc. escreve de uma forma muito leve Carol... Adorei... beijos

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

O ciclo das rosas

Navegante por esses mares...Caravelas....